Choro de perdedor ou falta de memória?

Choro de perdedor ou falta de memória?

Vão dizer que é choro de perdedor. Talvez seja mesmo. Ganhar é bom, não é? Nós não ganhamos. Não entramos na lista dos dez melhores espetáculos de teatro em 2015, feita pelo Globo. Quando digo “nós”, refiro-me ao musical “Bilac vê estrelas”, que escrevi em parceria com Julia Romeu, com músicas (inéditas) de Nei Lopes. Um musical brasileiríssimo, que recebeu uma montanha de elogios em sua estreia no Teatro Sesc Ginástico, do Rio. “Bilac” ganhou seis indicações para o Prêmio Cesgranrio e uma para o Shell, sem falar no Prêmio Bibi Ferreira, de São Paulo, no qual teve sete indicações e levou dois prêmios – Melhor Musical Brasileiro e Melhor Música. O principal crítico do Globo, Macksen Luiz, deu ao nosso...

Leia Mais

Ruy Castro faz diferença

Ruy Castro faz diferença

Ruy Castro é um dos concorrentes ao Prêmio Faz Diferença 2015, concedido pelo jornal O Globo e pela Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro). O Faz Diferença, que está em sua 13a. edição, é concedido anualmente, em várias categorias. Ruy Castro concorre na categoria Segundo Caderno/Prosa (isto é, na área de literatura), juntamente com Nei Lopes (que este ano se destacou, entre outras coisas, pela autoria das canções do nosso musical “Bilac vê estrelas”) e com o editor Jacó Guinsburg, criador da editora Perspectiva. A escolha é feita por voto popular e a votação vai até o dia 10 de janeiro. Quem quiser votar, pode fazer sua escolha no site...

Leia Mais

‘A noite do meu bem’ leva o prêmio APCA 2015

‘A noite do meu bem’ leva o prêmio APCA 2015

Ruy Castro é um dos vencedores do prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes) 2015, por seu livro “A noite do meu bem – A história e as histórias do samba-canção”. O livro de Ruy, lançado há poucas semanas, foi o vencedor na categoria Ensaio/Reportagem. Cinquenta críticos votaram nas categorias Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Literatura, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infantil,Televisão e, pela primeira vez, Moda. “Os vencedores deste ano refletem a agilidade da criação artística ao longo do ano nas suas mais variadas formas”, afirmou José Henrique Fabre Rolim, presidente da APCA. A cerimônia de entrega a todos os artistas contemplados neste Prêmio APCA acontecerá no primeiro quadrimestre de 2016,...

Leia Mais

Já nas livrarias!

Já nas livrarias!

Já chegou às livrarias o novo livro de Ruy Castro, “A noite do meu bem – A história e as histórias do samba-canção” (Companhia das Letras). É o primeiro grande livro de reconstituição histórica de Ruy em dez anos: o último foi “Carmen”, a biografia de Carmen Miranda, publicado em 2005. “A noite do meu bem” levou cerca de três anos para ser feito (apurado e escrito) e é, não tenho dúvida, um dos melhores — se não o melhor — livro de Ruy. É uma impressionante massa de informações, costurada de forma magistral, tecendo um panorama da noite do Rio entre 1946 e 1965. Mas não só da noite, das boates, dos cantores, músicos, compositores, mas também de tudo o que compunha o cenário social do...

Leia Mais

Vem aí ‘A noite do meu bem’

Vem aí ‘A noite do meu bem’

O novo livro de Ruy Castro, “A noite do meu bem – A história e as histórias do samba-canção” (Companhia das Letras) chegará às livrarias daqui a duas semanas. É o primeiro grande livro de reconstituição histórica de Ruy em dez anos: o último foi “Carmen”, a biografia de Carmen Miranda, publicado em 2005. “A noite do meu bem” levou cerca de três anos para ser feito (apurado e escrito) e é, não tenho dúvida, um dos melhores — se não o melhor — livro de Ruy. É uma impressionante massa de informações, costurada de forma magistral, tecendo um panorama da noite do Rio entre 1946 e 1965. Mas não só da noite, das boates, dos cantores, músicos, compositores, mas também de tudo o que compunha o...

Leia Mais

‘O oitavo selo’ é finalista do Jabuti

‘O oitavo selo’ é finalista do Jabuti

O romance (ou quase romance) “O oitavo selo”, que eu lancei no ano passado, é um dos finalistas do Prêmio Jabuti de Literatura 2015. O anúncio dos dez finalistas foi feito na semana passada, quando eu estava em Portugal para a Folio, a Feira Internacional de Literatura de Óbidos. São também finalistas os autores Cristóvão Tezza, Chico Buarque e Ana Miranda, entre outros. O Jabuti, principal prêmio literário do Brasil, premia três livros em cada categoria, escolhidos entre os dez finalistas. O anúncio dos vencedores será em novembro. Esta é a quarta vez que um livro meu é finalista do Prêmio Jabuti. Os livros anteriores que chegaram a ser selecionados foram “Pente de Vênus” (1995, categoria Contos), “A porta”...

Leia Mais

‘Bilac’ é o Melhor Musical Brasileiro

‘Bilac’ é o Melhor Musical Brasileiro

Nosso musical “Bilac vê estrelas” recebeu ontem, 14 de outubro, o Prêmio Bibi Ferreira de Melhor Musical Brasileiro 2015, em cerimônia realizada no Theatro Municipal de São Paulo. Além de eleito o melhor espetáculo nacional, “Bilac” recebeu também o prêmio de Melhor Música, pela trilha sonora de Nei Lopes, com 15 canções brasileiríssimas e originais.O Prêmio Bibi Ferreira, criado há três anos, é dedicado exclusivamente ao teatro musical, esse gênero que tanto tem crescido no Brasil. Da equipe de “Bilac vê estrelas”, além das autoras (eu e Julia Romeu, indicadas para a categoria Melhor Roteiro) e das produtoras (Maria Angela e Amanda Menezes), estavam presentes à cerimônia os atores André Dias, Caíque...

Leia Mais